netGIAE

 

 

No dia 18 de maio, os alunos do 6ºano da Escola 18 05 CCB VisitaQueluz e P. ConhecimentoCidade de Castelo Branco realizaram uma visita de estudo ao Palácio Nacional de Queluz e ao Pavilhão do Conhecimento. Dois autocarros partiram, à hora marcada, recheados de expetativas, boa disposição e vontade de trazer mais conhecimentos.

Após uma paragem para um breve lanche, a viagem continuou e, por volta das 10h e 15m, avistámos o Palácio de Queluz. Formámos cinco grupos e iniciámos a visita guiada ao palácio de Queluz. Ao longo das várias dependências, complementando a informação dos guias, fomos surpreendidos com pequenas dramatizações que nos transportaram ao quotidiano da vida palaciana do século XIX e nos divertiram. Terminada a visita nos jardins do Palácio, seguimos viagem até ao Parque das Nações, onde almoçámos e descontraímos. Cerca das 15 horas iniciámos a visita ao Pavilhão do Conhecimento e entrámos no mundo da criatividade. Visitámos três salas e pudemos usufruir das mais diversas experiências.

Após um apetitoso lanche, regressámos à nossa cidade, onde chegámos à hora prevista, com algum cansaço mas com a certeza de que valeu a pena, pois a viagem permitiu consolidar e adquirir conhecimentos e proporcionou-nos momentos de convívio.

Ficamos a aguardar a próxima!

Alunos do 6ºB e 6º E

No dia 18 de maio, um grupo de alunos e professores 18 05 CCB Intercambio Espanhada Escola Cidade de Castelo Branco deslocou-se a Espanha para dar seguimento a um intercâmbio transfronteiriço com os parceiros espanhóis do Instituto de Enseñanza Secundaria Jálama, de Moraleja.

Depois de, em abril, a escola albicastrense ter recebido o IES Jálama, foi agora a vez de uma comitiva portuguesa retribuir a visita aos seus congéneres. Em Moraleja, conheceram as instalações da escola e puderam contactar com os seus parceiros, num momento de confraternização que lhes permitiu trocar experiências, estimular o gosto e a curiosidade pela cultura do país vizinho e desenvolver competências comunicativas em contexto real, visto que todos os alunos que participam nesta iniciativa têm como segunda língua estrangeira o espanhol e o português. Se na Escola Cidade de Castelo Branco o ensino do espanhol está enraizado há quase duas décadas, também em Moraleja o número de alunos que estudam a língua lusa é bastante significativo.

No dia 4 de abril, o Dr. Manuel Lopes Marcelo, avô de uma04 04 CCB A origem do nome da Cidade de Castelo Branco aluna do 3º B, deslocou-se à Escola Cidade Castelo Branco para falar da origem e evolução histórica de Castelo Branco, às turmas de 3º ano.

Explicou as origens da nossa cidade, mostrando imagens do castelo e de pedras que nos falam através de marcas e símbolos que os nossos antepassados nelas deixaram.

A atividade foi uma mais-valia para o enriquecimento dos alunos.

Com o objetivo de fomentar a aprendizagem e reforçar 03 04 CCB Supert1 1a componente lúdica no processo ensino-aprendizagem, foram realizados os campeonatos intra-turmas do Supertmatik - Cálculo Mental e Quiz Matemática, durante o 2º período, com a maioria dos alunos do 7º ano da Escola Cidade de Castelo Branco.

No dia 03 de abril de 2017, os campeões e vice-campeões das turmas do 7º ano disputaram as finais de Escola nas duas competições. Apesar da competitividade, é de salientar que houve sempre respeito e desportivismo entre todos os participantes e, após uma competição renhida, os vencedores da Escola foram: